Em meio à pandemia, os debates sobre temas ambientais seguem ganhando espaço na opinião pública. Um dos principais exemplos foi a aprovação e sanção, no mês de julho, do Marco Legal do Saneamento Básico, que estabelece, entre outros pontos, um novo prazo para o fim dos lixões no país, entre 2021 e 2024. O debate sobre o tema é longo, mas é importante ressaltarmos a preocupação com esses e outros temas da temática ambiental.

E impulsionados por isso, também chegamos a uma data história: os 10 anos da Política Nacional de Resíduos Sólidos (Lei Federal nº 12.305/2010), considerada um marco para a legislação ambiental e que trouxe uma visão inovadora sobre o papel de toda a nossa sociedade na gestão dos resíduos sólidos, sustentabilidade e economia circular. O trabalho em torno dessas causas é imenso, especialmente para um país de proporções continentais como o Brasil.

Tivemos iniciativas incríveis, legislações que entraram em vigor, projetos que saíram do papel, mobilização de entidades e a criação de órgãos e instituições que aos poucos vão transformando a maneira como cuidamos do nosso lixo. A própria existência do InPAR é um reflexo dos efeitos e das articulações realizados por sindicatos, indústrias e diversos setores da sociedade propostas pela PNRS e, portanto, é uma data que merece ser celebrada.

Mas, ainda assim, é preciso reconhecer que ainda há muito a ser feito. Em alguns casos, é preciso iniciar ações praticamente do zero, como é o exemplo dos lixões. Para trazer esse tema ao público, exibimos nessa newsletter um artigo aprofundado com dados e momentos históricos sobre os 10 anos da PNRS. Você pode conferi-lo abaixo.

O debate sobre o tema a nível estadual segue no dia 13 de agosto com o evento sobre os 10 anos da PNRS e os avanços da logística reversa no Paraná através de uma live que contará com as presenças do advogado Alessandro Panasolo e do engenheiro Fernando Bunn. O segundo evento virtual acontecerá novamente no canal do YouTube do InPAR. Essa será mais uma excelente oportunidade para que profissionais, executivos da área e o público em geral interessado no tema possa conferir um conteúdo de qualidade e tirar dúvidas com dois importantes autoridades no assunto. O evento faz parte da nossa série de ações para difundir o conhecimento sobre as práticas da logística reversa e da sustentabilidade e para buscar cada vez mais o engajamento da sociedade em torno desses temas.